Blog

Home  /  Artigos   /  Jovens empreendedores criam programa de intercâmbio em Angola

Jovens empreendedores criam programa de intercâmbio em Angola

Com o objectivo de criar uma plataforma entre jovens empreendedores de todo país, será lançado no dia 15 do corrente mês, na província da Huíla, o Programa Nacional de Intercâmbio de Empreendedores denominado +244NetWorks.

Com esta iniciativa pretende-se que sejam criadas sinergias entre empreendedores nacionais e com realce para o interior do país, afim- de ser dinamizado investimentos sobretudo no sector do turismo e desta forma, relançar a diversificação da economia nacional.

Segundo informa a nota de imprensa enviada ao SAPO, esta afirmação foi feita pela coordenadora do +244Networks, Yara Miguel que mostrou-se optimista face aos níveis de adesão e aceitação que o projecto está a merecer no seio dos jovens empreendedores e de empresas conceituadas.

De acordo com a responsável, além de investimentos no sector do turismo, o projecto destina-se também a divulgação das oportunidades de negócios no interior do país e incentivar o empreendedorismo juvenil no seio da juventude.

A +244 NetWorks é uma iniciativa de jovens empreendedores angolanos preocupados com a situação macroeconómica que o país enfrenta desde finais de 2014 e desta forma contribuírem para o desenvolvimento das pequenas e medias empresas.

O projecto conta com o suporte técnico do Grupo Evision Holdings Ltd, W.E.A.H Smart Enterprise Ltd. e ABC do Empreendedor e a parceria de instituições e empresas consagradas como a Universidade Mandume Ya Ndemufayo (ISPH), Acelera Angola, Grupo Chicoil, NetOne , Kianda Hub e Ontime e terá a duração de dois dias.

Ainda sobre o projecto, importa destacar que a empresa NetOne em parceria com a Kianda Hub e a Universidade Mandume Ya Ndemufayo, vão lançar durante o evento o programa nacional de captação de programadores e desta forma alargar a sua acção no âmbito da estratégia de diversificação de mercado.

Visitas de trabalho bem como a inauguração do primeiro Centro de Atendimento Presencial do Portal ABC do Empreendedor vão igualmente marcar o certame que será testemunhado por autoridades locais e jovens empreendedores de algumas províncias mais ao sul do país.